Sábado, 25 de Junho de 2022
29°

Poucas nuvens

Santarém - PA

Anúncio
Política Eleições 2022

Mais de 10 parlamentares já trocaram de partido no Pará; confira

Período em que deputados federais e estaduais podem mudar de legenda para concorrer às eleições sem perder o mandato termina nesta sexta-feira (1º).

01/04/2022 às 09h13
Por: Inácio dos Santos Fonte: O Liberal
Compartilhe:
(Foto: Reprodução/TSE/UOL).
(Foto: Reprodução/TSE/UOL).

Mesmo antes do fim do prazo para mudar de partido, a chamada “janela partidária”, que segue aberta até esta sexta-feira (1º), o número de parlamentares que trocaram de legenda para as eleições deste ano no Pará já chegava a 13 na tarde de ontem, correspondendo a mais de 21% do total de políticos que representam o Estado.

O primeiro a efetuar a mudança foi o senador Zequinha Marinho, que se desvinculou do PSC e se filiou ao PL, partido do presidente da República, ainda em dezembro do ano passado. Ele foi o único dos três senadores a mudar de legenda e é pré-candidato ao governo do Pará este ano.

Na Câmara Federal, ao menos quatro dos 17 deputados da bancada comunicaram a mudança de partido em 2022, sendo que o primeiro foi Cristiano Vale, em fevereiro, que passou do PL para o PP, se tornando o líder do partido no Estado. Depois, o delegado Éder Mauro seguiu o caminho inverso: deixou o PSD e passou a integrar o PL – a comunicação de mudança foi feita no dia 17 deste mês. E na última quarta-feira (30), dois deputados federais pelo Pará também abandonaram suas legendas e se filiaram a outros partidos. Eduardo Costa passou do PTB para o PSD, enquanto Joaquim Passarinho mudou do PSD para o PL.

Já na Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa), o clima de troca de partido se intensificou nos últimos dias. Foram ao menos oito mudanças até o fechamento desta reportagem, entre os 41 deputados estaduais: Diana Belo, do DC para o MDB; Jaques Neves, do PSC para União Brasil; Luth Rebelo, do PSDB para o PP; Júnior Hage, do PDT para o PP; Paula Gomes, do PSD para o MDB; Ângelo Ferrari, do PTB para o MDB; Dra. Heloisa, do DEM para o PSDB; e José Maria Tapajós, do PL para o PP.

Com a mudança dos 13 parlamentares recentemente, os partidos que mais ganham novos integrantes no Pará são o PP (4), PL (3) e MDB (3). Já os que mais perdem parlamentares são PSD (-3), PSC (-2) e PTB (-2).

Janela partidária

Integrando o Calendário Eleitoral, a chamada “janela partidária” é destinada a deputados federais e estaduais que queiram mudar de legenda para concorrer às eleições sem perder o mandato. Ela ocorre em todo ano eleitoral e trata-se de um prazo de 30 dias para que parlamentares possam mudar de legenda sem perder o cargo atual. Esse período acontece seis meses antes do pleito. Nas últimas eleições gerais, pelo menos 85 deputados trocaram de legenda para disputar as eleições daquele ano, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Parlamentares paraenses que trocaram de partido:

Senado

Zequinha Marinho: PSC – PL

Câmara Federal

Cristiano Vale: PL – PP

Éder Mauro: PSD – PL

Eduardo Costa: PTB – PSD

Joaquim Passarinho: PSD – PL

Alepa

Ângelo Ferrari: PTB – MDB

Diana Belo: DC – MDB

Dra. Heloisa: DEM – PSDB

Jaques Neves: PSC - União Brasil

José Maria Tapajós: PL – PP

Júnior Hage: PDT – PP

Luth Rebelo: PSDB – PP

Paula Gomes: PSD – MDB

Receba as notícias do RB1 em primeira mão pelo WhatsApp Clique aqui.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Santarém - PA Atualizado às 11h05 - Fonte: ClimaTempo
29°
Poucas nuvens

Mín. 23° Máx. 31°

Dom 30°C 22°C
Seg 31°C 22°C
Ter 32°C 21°C
Qua 32°C 22°C
Qui 30°C 22°C
Anúncio
Anúncio
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio