Domingo, 22 de Maio de 2022
30°

Poucas nuvens

Santarém - PA

Cultura e Entretenimento Segue internado

Maurílio segue em estado grave na UTI, mas teve melhora na parte respiratória, diz médico

Artista passou a consumir menos oxigênio do respirador eletrônico, o que é um bom sinal, segundo médico. Ele participava da gravação do DVD da dupla Zé Felipe e Miguel quando se sentiu mal.

16/12/2021 às 14h50 Atualizada em 16/12/2021 às 15h50
Por: RB1Notícias Fonte: G1 POP
Compartilhe:
Cantor Maurílio está em estado grave após parada cardíaca
Cantor Maurílio está em estado grave após parada cardíaca

O cantor sertanejo Maurílio, de 28 anos, que faz dupla com Luiza, segue em estado grave na UTI, mas teve melhora no quadro respiratório, segundo informou o médico Wandervam Azevedo nesta quinta-feira (16). Ele participava da gravação de um DVD em Goiânia quando se sentiu mal e foi levado a um hospital. O artista foi diagnosticado com tromboembulismo pulmonar.

"As partes clínica e a respiratória deram uma melhorada. Por exemplo, ontem [15], o respirador eletrônico chegou a fornecer 80% de oxigênio e, hoje [16], caiu para 60%, o que é um bom sinal", explicou Azevedo.

Agora, a equipe médica aguarda o resultado de exames para saber se Maurílio vai precisar fazer hemodiálise por causa da doença. O médico destacou que o quadro de saúde evoluiu de gravíssimo para grave, ou seja, o artista apresenta sinais vitais mais estáveis.

O médico, que o acompanha, disse que o sertanejo sempre foi extramente cuidadoso com a saúde e fazia exames de rotina. Na UTI, Maurílio está sedado e respira com ajuda de aparelhos.

“Ele é extremamente cuidadoso. Sempre me ligava dizendo: ‘Wandervam, preciso fazer [exames] de rotina. Sempre preocupado", destacou o médico.

De acordo com Wandervam Azevedo, o sertanejo sofreu um acidente de carro há cinco anos, quando teve várias fraturas pelo corpo e início de trombose. Depois da recuperação, ele passou a usar medicação contra a doença.

"Agora tem uns seis meses que eu não o acompanhava e não sei o que estava usando de medicação. A princípio, não usava nenhuma medicação para prevenir trombose", explicou Azevedo.

Receba as notícias do RB1 em primeira mão pelo WhatsApp Clique aqui.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.