Quarta, 27 de Outubro de 2021
25°

Trovoada

Santarém - PA

Cidades Altamira

CPI da Educação em Altamira pode ser reaberta e vereador envolvido rebate acusação

A CPI da Educação de Altamira chegou a ser criada em maio do ano passado pela Câmara Municipal, depois que a Polícia Civil do distrito de Castelo de Sonhos flagrou uma carreta de material de construção, no valor de mais de R$ 200 mil reais, sendo descarregada na residência do vereador Roni Heck, naquele distrito.

03/08/2021 às 16h55
Por: RB1Notícias Fonte: Wilson Soares – A Voz do Xingu
Compartilhe:
CPI da Educação em Altamira pode ser reaberta e vereador envolvido rebate acusação

Depois de ser intimada pela Justiça de Altamira à participar de uma audiência, em que cobra da vereadora Socorro do Carmo (PSDB), uma indenização no valor de R$ 41.800 (quarenta e um mil e oitocentos reais) por ela ter usado indevidamente a imagem do colega parlamentar Roni Heck (MDB), a vereadora e enfermeira Socorro do Carmo, que também é líder do governo na Câmara Municipal de Altamira, resolveu convocar a imprensa e anunciar que estava solicitando ao presidente da Casa de Leis, Silvano Fortunato, a reabertura da CPI que investigava os supostos desvios de recursos do Fundeb de Altamira, no período em que o vereador Roni Heck e sua esposa Márcia Danielle, estiveram à frente da Secretaria Municipal de Educação, na gestão de Domingos Juvenil (MDB).

A CPI da Educação de Altamira chegou a ser criada em maio do ano passado pela Câmara Municipal, depois que a Polícia Civil do distrito de Castelo de Sonhos flagrou uma carreta de material de construção, no valor de mais de R$ 200 mil reais, sendo descarregada na residência do vereador Roni Heck, naquele distrito.

A Polícia Federal também realizou uma operação de busca e apreensão de computadores e documentos no gabinete do vereador na Câmara Municipal e na sede da Secretaria de Educação do município. Na época ninguém foi preso devido a pandemia, mas as investigações continuam no Ministério Público e na Polícia Federal.

A vereadora e enfermeira Socorro do Carmo, que também é líder do governo na Câmara Municipal de Altamira, resolveu convocar a imprensa e anunciar que estava solicitando ao presidente da Casa de Leis, Silvano Fortunato, a reabertura da CPI que investigava os supostos desvios de recursos do Fundeb de Altamira, no período em que o vereador Roni Heck e sua esposa Márcia Danielle, estiveram à frente da Secretaria Municipal de Educação, na gestão de Domingos Juvenil (MDB).

Apesar da grande repercussão do caso, a maioria dos vereadores na época decidiu votar pelo arquivamento da CPI. O preço disso, foi que a maioria dos parlamentares acabou não conseguindo se reeleger, outros nem mesmo saíram candidatos, mas alguns ainda conseguiram permanecer na atual gestão, inclusive como secretário municipal.

Ofício protocolado pela vereadora junto à presidência da Casa de Leis

O vereador citado na CPI da Educação Roni Heck (MDB) se pronunciou através de nota e rebateu as acusações da vereadora Socorro do Carmo (PSDB).

Leia abaixo a nota na íntegra.

“Sou cidadão e prezo pela Justiça, imparcial e acessível a todos.

Não vou me sentir intimidado pela vereadora, que tanto me denegriu no passado, sem mesmo que a justiça me declarasse inocente ou culpado. Todo cidadão só é realmente considerado culpado quando transitado e julgado. Antes não!

Não sou obrigado aceitar as Calúnias feitas pela dita Vereadora contra mim e minha família, assim como, é direito de todo cidadão que se sentir ofendido a buscar legalmente o direito de resposta, no Poder Judiciário, quando na ocasião da ofensa no ano passado.

Diferente dela, estou exercendo meu direito constitucional de petição na Justiça e não faço uso de prerrogativas ou poder para tais ações.

A liberdade de expressão é um direito constitucional, porém como todo direito não é absoluto, devendo todos respeitarem os limites do bom senso e da lei, devendo serem responsabilizados aqueles que abusam desse direito.

Minha ação judicial não seria exposta aos Holofotes da Imprensa se a referida política não estivesse usando isto como motivo para me constranger e fazer que eu tolere as suas ofensas, ameaçando a reabertura de uma CPI.

Isto é imoral, fere os princípios do Interesse Público e representa claro desvio de poder da parte dela.

Não temo ameaças na tentativa de me coibir, pois a Justiça dos Homens e de Deus não se vale das mesquinhices de pessoas que faltam à verdade. Reitero ainda que todo valor arrecadado através de ações indenizatórias serão  destinados a filantropia com ampla divulgação”.

Roni Heck

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Altamira - PA
Altamira - PA
Sobre o município Altamira é um município brasileiro localizado no estado do Pará, na Região Norte do país. Sua população estimada em 2018 era de 113 195 habitantes. Com uma área de 159 533,328 km², segundo o IBGE em 2017
Santarém - PA Atualizado às 01h26 - Fonte: ClimaTempo
25°
Trovoada

Mín. 22° Máx. 30°

Qui 32°C 23°C
Sex 33°C 24°C
Sáb 30°C 23°C
Dom 30°C 24°C
Seg 34°C 26°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete