Cidades Altamira

Vídeo mostrando suposto reaproveitamento de agulha em posto de vacinação contra a Covid-19, em Altamira

A gravação causou muita revolta depois que o vídeo foi postado em grupos de whatsapp. Muitos questionaram a conduta da servidora, que teria agido colocando em risco a vida de outras pessoas que poderiam ser vacinadas com a mesma seringa.

19/04/2021 11h43 Atualizada há 4 semanas
Por: RB1Notícias Fonte: Lucas Trevisan
Reprodução do site A voz do xingu
Reprodução do site A voz do xingu

Durante a vacinação de um idoso contra a covid-19 uma técnica de enfermagem que aplicava o imunizante foi questionada sobre como a profissional utiliza as seringas. No vídeo, a profissional de saúde que aplica diz: "agora colocaram nós na televisão dizendo que a gente não podia fazer do jeito que estávamos fazendo".

E segue informando: "agora essa agulha faz dez furos assim", demonstrando com a mesma seringa vários furos em um frasco que seria do imunizante. Na sequência a técnica devolve o frasco para o isopor, após fura-lo com a mesma seringa que usou na vacinação do idoso. A gravação causou muita revolta depois que o vídeo foi postado em grupos de whatsapp. Muitos questionaram a conduta da servidora, que teria agido colocando em risco a vida de outras pessoas que poderiam ser vacinadas com a mesma seringa.

A repercussão fez com que a Secretaria de Saúde do Município se posicionasse. A nota diz que a técnica se sentiu acuada diante da gravação do vídeo e acabou se confundindo ao tentar explicar o procedimento.

Veja a nota íntegra!

A secretaria municipal de Saúde, por meio da Coordenação de Imunização, informa que todos os materiais utilizados nas aplicações das doses de vacina são descartados após o uso. Tanto as seringas como as agulhas descartáveis são utilizadas uma única vez. Assim tem ocorrido com todas as pessoas imunizadas. Em relação ao vídeo que circula em grupos de WhatsApp, o que houve foi uma falha de comunicação, e não de procedimentos. De acordo com o Manual de Normas e Procedimentos para Vacinação do Ministério da Saúde, e conforme a Sociedade Brasileira de Imunização (SBIM) proíbem deixar o frasco da vacina agulhado, para facilitar a aspiração no frasco de vacina. E eles orientam, então, que a cada aspiração com as seringas descartáveis, o profissional perfure a borracha em locais diferentes evitando a parte central da tampa, e é assim que a Coordenação de imunização orienta os profissionais que estão aplicando as doses de vacina. Ocorreu que, quando a técnica de enfermagem foi questionada, ela se sentiu acuada com os questionamentos feitos e acabou, de forma equivocada, passando uma informação que não procede e que coloca em questão o compromisso e a ética com que todos os profissionais de saúde estão atuando na linha de frente da Covid-19. O enfermeiro que estava presente no local esclarece ainda que o paciente do vídeo fez o uso da última dose do frasco que tinha no isopor. E ao final do expediente todos os frascos utilizados são devolvidos para o setor de imunização para serem conferidos e ser feito o descarte correto.

 

Gostou da nossa matéria? Clique aqui e receba notícias do Portal RB1 no seu WhatsApp. Entre em no grupo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Altamira - PA

Altamira - Pará

Sobre o município
Altamira é um município brasileiro localizado no estado do Pará, na Região Norte do país. Sua população estimada em 2018 era de 113 195 habitantes. Com uma área de 159 533,328 km², segundo o IBGE em 2017
Santarém - PA
Atualizado às 17h10 - Fonte: Climatempo
29°
Pancada de chuva

Mín. 22° Máx. 31°

33° Sensação
17 km/h Vento
79% Umidade do ar
90% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (16/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Segunda (17/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.