Cidades Itaituba

Manifestantes vestidos de preto realizam ato cobrando inauguração do Hospital Regional do Tapajós

Manifestantes também utilizaram cruzes e velas para representar as mais de 50 mortes pela covid-19 em Itaituba.

25/06/2020 22h47 Atualizada há 1 semana
Por: RB1Notícias Fonte: Portal Giro
Velas e cruzes foram utilizadas. | Foto: Portal Giro
Velas e cruzes foram utilizadas. | Foto: Portal Giro

Revoltados com os recorrentes adiamentos da inauguração do Hospital Regional do Tapajós (HRT) e com a sua baixa capacidade de atendimento inicialmente anunciada pelo governo, um grupo de pessoas da sociedade, incluindo empresários e o vereador Davi Salomão, realizou, na noite desta quinta-feira (25), uma manifestação pacífica em frente a Unidade, na avenida Marechal Rondon, em Itaituba.

Os manifestantes estavam vestidos de preto e utilizaram 53 cruzes para representam o total de mortes pela covid-19 no município, além de aproximadamente 800 velas acesas na frente do hospital, que também simbolizava as mortes que ocorrem e que continuarão ocorrendo em Itaituba por falta de uma unidade de saúde de alta complexibilidade, o que deixa a população dependente de vagas em hospitais de Santarém e Belém, que também vivem momentos delicados na saúde pública.

Todos os manifestantes estavam vestidos de preto | Foto: Portal Giro

 

O empresário e representante de entidades municipais Patrick Sousa, um dos idealizadores da ação, destacou, além da ausência do prefeito municipal, a falta de apoio também da maioria dos vereadores, que não compareceram ao ato realizado e não se manifestam sobre o caso. Ele também falou da retirada de equipamentos que chegaram ao Hospital.

"Nós temos a estrutura pronta, e levaram tudo pra lá. Traga de volta! (....) nós queremos emprestar os nossos vereadores, nossos deputados, prefeito, mas devolva os nossos respiradores e faça com que realmente possa funcionar nosso hospital regional." disse Patrick.

O vereador David Salomão, em conversa com o Giro, relatou que esteve visitando o interior do hospital e garante que a estrutura ainda não está preparada para funcionar e atender a população.

"Equipamentos para UTI ainda não estão aqui. Um representante da IPG declarou que não vai ter UTI neste momento, são ventiladores mecânicos, não atende os critérios da ANVISA." afirmou David.

  800 velas foram acesas para representara as mortes por covid-19 no município| Foto: Portal Giro

 

O vereador citou também o fato de ter questionado o representante do IPG sobre uma possível revisão de contrato, tendo em vista que o governo investiria R$ 51 milhões em seis meses e a capacidade do hospital foi reduzida.

"(...) Se vai diminuir a capacidade de atendimento tem que ser reduzido o valor que vai ser repassado. Ele [o representante do IPG] não soube me dizer, disse que quem respondia por isso era a gerência de outro estado." finalizou David.

Gostou da nossa matéria? Clique aqui para receber as principais notícias do Portal RB1 no Whatsapp.

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Itaituba - PA

Itaituba - Pará

Sobre o município
Município brasileiro, situado no coração do Pará. É o décimo quarto município mais populoso do Estado, e um dos principais centros econômicos do oeste paraense. A cidade é considerada de médio porte. Sua população, estimada pelo IBGE em 2017, em 98.523 habitantes. São destaques na economia de Itaituba o setor industrial, a mineração e a Agropecuária.
Santarém - PA
Atualizado às 22h26 - Fonte: Climatempo
24°
Poucas nuvens

Mín. 23° Máx. 32°

24° Sensação
8.4 km/h Vento
100% Umidade do ar
90% (5mm) Chance de chuva
Amanhã (05/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Segunda (06/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.