Cidades Santarém

Duas pessoas são detidas por aplicar testes rápidos da Covid-19 de forma irregular em Santarém

Testes eram realizados em pessoas com suspeita da doença no bairro Santarezinho. Uma delas disse que tinha sido contratada por uma empresa de São Paulo.

14/05/2020 17h06 Atualizada há 1 semana
Por: RB1Notícias Fonte: G1 Santarém
 Foto: Kamila Andrade/G1
Foto: Kamila Andrade/G1

Uma estudante de enfermagem foi detida no fim da manhã desta quinta-feira (14) após denúncias de que ela estaria realizando gratuitamente testes rápidos para diagnóstico da Covid-19 em pessoas com a suspeita da doença, em Santarém, no oeste do Pará. O caso aconteceu no bairro Santarenzinho.

Leia mais: IBGE devolverá R$ 2,8 milhões em taxas a 100 mil inscritos no concurso do Censo

A Vigilância Sanitária foi acionada pela Polícia Militar após uma estudante de enfermagem ser levada a UIPP do bairro. À equipe, a jovem contou que teria sido contratada por uma empresa de São Paulo para realização dos testes e aplicação de pesquisa de dados. A estudante chegou a apresentar um contrato.

Conforme a Vigilância Sanitária, a empresa Ibope Inteligência não tem autorização para executar tal pesquisa e os testes.

"Os testes são de origem duvidosa, pois não temos registro da Anvisa na caixa. Vamos averiguar isso posteriormente", informou Maurício Figueira Campos, membro da Vigilância Sanitária de Santarém.

Após levantamento de mais informações, a estudante disse que haviam mais testes para serem aplicados e informou onde estavam e quem era a responsável pelos kits. A segunda mulher também foi conduzida à UIPP.

De acordo com o Maurício, a jovem disse ainda que fez um treinamento em um hotel da cidade e que outras pessoas também teriam participado e estavam aplicando os mesmos testes em outros bairros de Santarém. A cada teste realizado, a pessoa que aplicou recebia R$ 17.

"Isso caracteriza o crime de dano à saúde pública, visto que até para profissionais de saúde com sintomas da Covid-19 não conseguem realizá-lo. Não são pessoas despreparadas como estudantes que vão estar fazendo o teste. A gente pede que a população não faça esses testes", disse completou Maurício.

"A empresa colocou em risco as pessoas que estão aparentemente saudáveis que adentraram as casas de pessoas que podem ser assintomáticos".

As caixas com kits de testes rápidos foram apreendidos e levados à UIPP. O caso vai ser investigado pela Polícia Civil.

Nota

Em nota, a Unama, universidade a qual a estudante é vinculada, esclareceu que não está realizando testes rápidos para o Covid-19 e nem faz parte de parceria com qualquer empresa para a realização desse tipo de exame. No momento em que aplicava os testes, a estudante usava uma blusa com identidade visual da Unama, apesar do trabalho não ter nenhuma ligação com a instituição de ensino superior.

Ibope Inteligência em nota, a empresa Ibope Inteligência esclareceu.

"Um problema em Santarém, por falta de informação sobre a realização da pesquisa, culminando na detenção de pessoas de nossa equipe e apreensão de materiais. Infelizmente as pessoas entenderam que a pesquisa não era verdadeira.

O IBOPE Inteligência está realizando entre hoje e amanhã uma pesquisa em todo o país sobre a prevalência do COVID-19 na população brasileira. A coordenação do estudo é da Universidade Federal de Pelotas – UFPel, com financiamento do Ministério da Saúde. E ela está autorizada pelo CONEP.

O objetivo dessa pesquisa é medir o nível de imunização da população brasileira ao novo coronavírus e identificar de que forma o vírus está se propagando pelo Brasil. Com isso, será possível criar políticas públicas mais eficientes no combate à pandemia baseadas em critérios científicos sobre o comportamento do vírus.

A pesquisa consiste na aplicação de um breve questionário sobre a existência de doenças preexistentes e possíveis sintomas de coronavírus nos últimos 30 dias, além da realização de um teste sanguíneo rápido que utiliza metodologia por punção digital (uma picadinha na ponta do dedo).

O estudo será realizado em três etapas, sempre nos mesmos 133 municípios. A primeira etapa ocorre entre os dias 14 e15 maio. As demais ocorrerão a cada 15 dias e, ao término da pesquisa, 99.750 brasileiros terão sido testados.

Todo morador que aceitar participar da pesquisa precisa assinar um Termo de Consentimento Livre e Esclarecido que informa sobre os objetivos, procedimentos, possíveis riscos, sigilo dos dados, voluntariedade da participação, entre outros aspectos. Os moradores menores de idade e/ou adultos legalmente incapazes receberão o Termo e terão que ser autorizados pelos pais e/ou responsável para participar.

Todos os entrevistadores que realizam as entrevistas foram testados e apenas aqueles que apresentaram resultado negativo estão nas ruas para realização da coleta de dados e aplicação do teste sanguíneo. Esses profissionais foram devidamente treinados por um especialista da área de saúde e estarão utilizando os equipamentos de proteção individuais (EPIs), conforme orientação do Ministério da Saúde. São eles: máscaras descartáveis, toucas descartáveis, aventais descartáveis, sapatilhas descartáveis, óculos de proteção e luvas. Além disso, todos os entrevistadores terão em mãos frascos de álcool gel, sacos de lixo infectante e caixas de descarte de materiais hospitalares."

Todas as informações coletadas são absolutamente sigilosas, serão tratadas de forma anônima e os respondentes não serão identificados, de acordo com todas as normas éticas internacionais sobre pesquisas em saúde (com exceção da Vigilância Sanitária, caso o resultado do teste seja positive). Os resultados dos estudos serão sempre tratados conjuntamente e nunca de forma individual.

Receba todos os dias no seu WhatsApp as principais notícias do Portal RB1 CLIQUE AQUI

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Santarém - PA

Santarém - Pará

Sobre o município
Santarém é um município brasileiro do estado do Pará, o terceiro mais populoso do estado, atrás somente da capital, Belém e de Ananindeua, sendo o principal centro urbano, financeiro, comercial e cultural do oeste do estado. É sede da Região Metropolitana de Santarém, o segundo maior aglomerado urbano do Pará. Pertence à mesorregião do Baixo Amazonas e a microrregião de mesmo nome. Situa-se na confluência dos rios Tapajós e Amazonas. Localizada a cerca de 800 km das metrópole
Santarém - PA
Atualizado às 02h33 - Fonte: Climatempo
24°
Alguma nebulosidade

Mín. 23° Máx. 31°

24° Sensação
7 km/h Vento
100% Umidade do ar
80% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (26/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 30°

Sol com muitas nuvens e chuva
Quarta (27/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 32°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias